Pesquisar este blog

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

olhar

a terra pára por um instante quando teus olhos pousam sobre minha vida.
como doi como é doído o olhar desejante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário