Pesquisar este blog

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Crespo

esse meu cabelo crespo esse meu jeito essa minha cara esse meu cabelo tantos quantos séculos de história tanta luta quanto luto banzo africas tapuias tupis Não me venhas com seu preconceito vá se fuder com sua chapinha! O meu cabelo é crespo! Crespo como são crespas as minhas mãos da batalha. Crespo crespo crespo crespo e em pleno século XXI a chaga do preconceito ainda mostra sua face.

Nenhum comentário:

Postar um comentário